brand menu

Notícias

Premiados da 3ª edição do Festival de Clipes e Bandas

Original



Os 3 primeiros prêmios são para videoclipes originais feitos pelos participantes para músicas dos artistas homenageados dessa edição. Cada artista homenageado cedeu uma música ao festival para que fossem feitos videoclipes. E aqui estão os vencedores.

Melhor Videoclipe para a música De Graça, de Marcelo Jeneci

Wagner Samuel Felipe do Nascimento, de Recife

Melhor Videoclipe para a música Às Vezes, de Tulipa Ruiz

Empate entre: Carlos Daniel, de Belo Horizonte e Fábio Biondo, de Curitiba

Melhor videoclipe para a música Quase Desatento, de Fernanda Takai

Cristiano Trad e Nathália Marçal, de Belo Horizonte

Melhor clipe de música própria (Essa categoria está aberta para clipes originais feitos por qualquer banda interessada em participar do festival.)

Marretón, de Helena Guerra, de São Paulo

Menção honrosa para videoclipe de música própria

Unsimulated Acts, de Thiago Lira, de São Paulo

Prêmio do Público para Clipe para Artista Convidado (Esse prêmio é dado ao clipe mais bem avaliado pelo público dentre os 13 clipes finalistas feitos para os artistas homenageados)

Quase Desatento, de Cristiano Trad e Nathália Marçal, de Belo Horizonte

Prêmio do Público para Clipe de Música Própria (Escolha do público para clipes com nota do comitê de seleção 3 ou superior)

Lembranças de Uma Primavera, de Rick Rain, de Cascavel

Prêmio do Público - Música (Escolha do público para bandas com nota do comitê de seleção 3 ou superior)

Vexame na Pista, de Cantigas Boleráveis, de Brasília

Os 3 prêmios a seguir são escolhidos pela Trident, o patrocinador gold dessa edição do Festival.

Prêmio do Patrocinador para Música

Pendura, de Marcelo Perdido, de São Paulo

Prêmio do Patrocinador para Clipe de Música Própria

Unsimulated Acts, de Thiago Lira, de São Paulo

Prêmio do Patrocinador para Clipe de Artista Convidado

Quase Desatento, de Cristiano Trad e Nathália Marçal, de Belo Horizonte

Melhor Música (Esse é o principal prêmio para bandas. Das 1600 inscrições no festival, 38 bandas finalistas foram avaliados pelo júri convidado, composto por Fernanda Takai, Marcelo Jeneci e Tulipa Ruiz. Dessas 38, 3 foram selecionadas para abrir os shows de encerramento do Festival.)

Músicas Finalistas:
Dia de Casa, de Andrei Furlan, de São paulo
Sobremesa, de Gika , do Rio de Janeiro
Pendura, de Marcelo Perdido, de São Paulo

Dessas 3, a música a seguir foi a mais bem avaliada pelo público através da internet.

Dia de Casa, de Andrei Furlan, de São Paulo